Presidente da Câmara quer aumentar verbas para as juntas em 10%

24 de Outubro de 2017
Posse 1 473 1000

Marco Martins anunciou, ontem, na tomada de posse dos órgãos autárquicos do Município de Gondomar, que teve lugar na Sala Douro do Multiusos de Gondomar, que vai aumentar as verbas para as juntas de freguesia do Concelho em 10% a partir do próximo ano, “em troca de um maior rigor, qualidade, controlo e prestação de serviços de proximidade à população”. "Eleições passadas, órgãos empossados, o desafio é todos juntos, mas mesmo todos, os autarcas das assembleias municipal e de juntas de freguesia, e em especial da equipa de vereadores que trabalhará comigo, trabalharmos para o futuro de Gondomar”, afirmou o Presidente da Câmara Municipal de Gondomar.

"No mandato que hoje terminou fizemos um esforço muito grande para diminuir as dívidas e abdicamos de muito investimento para sair do vermelho do endividamento. Agora, será possível investir mais e renovar recursos humanos, apostar no ambiente, na mobilidade e no desenvolvimento económico. Gondomar não poderá ficar atrás dos outros [concelhos]! Hoje já não somos um município de segundo plano, somos antes o terceiro a nível metropolitano e o oitavo a nível nacional, que tem um projeto, uma estratégia e um rumo”, sublinhou o Presidente reeleito.

Tomaram posse como vereadores da Câmara Municipal de Gondomar para o mandato de 2017/2021, pelo Partido Socialista, Marco Martins (Presidente), Luís Filipe de Araújo, Aurora Vieira, Carlos Brás, José Fernando Moreira e Sandra Almeida, que completam o Executivo; Valentim Loureiro e Leonel Viana, eleitos pelo Movimento Valentim Loureiro Gondomar Coração de Ouro; pelo PCP-PEV, Daniel Vieira e José António Pinto; e, por fim, pela coligação PPD/PSD.CDP-PP, Rafael Gomes Amorim.

Para a Assembleia Municipal, encabeçada por Aníbal Lira (que mantém a Presidência da Mesa), tomaram igualmente posse, pelo Partido Socialista, Fernando Morais, Maria Rosa Oliveira, Joana de Resende, Manuel Santos, Maria Leonor Ferreira, Fernando Cerqueira, Ana Pão Trigo, Diogo Augusto, José Pereira, Maria Teresa Santos, Manuel Ferreira dos Santos, Carmina Lopes, João Pedro Forte e Elza Silva; pelo Movimento Valentim Loureiro Coração de Ouro Graciano Martinho, David Santos, Maribel Fernandes, Vítor Guerra, Mário Gonçalves e Fernanda Vieira; pela CDU, Joaquim Barbosa, Maria Moura, Eugénia Faria, Luís Fernandes e Joana Cardoso; pela coligação PPD/PSD.CDP-PP, Rosa Gomes, Telmo Viana, Valentina Silva, Pedro Oliveira e Manuel Marques; e, por fim, pelo Bloco de Esquerda, Bruno Pacheco e Tiago Carvalho.

Hoje
Hoje
Mín C
Máx C
Amanhã
Amanhã
Mín C
Máx C
Depois
Depois
Mín C
Máx C