Rio Tinto

Com 47 mil habitantes é a maior e mais populosa freguesia de Gondomar.

Segundo conta a tradição, o seu nome está ligado ao facto de ter sido palco de violentas batalhas entre cristãos e árabes, o que teria manchado de sangue o ribeiro que atravessa a povoação.

É Cidade desde 1995, onze anos depois de ter sido elevada a vila.
A pequena indústria e os serviços são as atividades económicas predominantes.

Uma das particularidades de Rio Tinto é a Fábrica de Fundição de Sinos, que conta com cerca de 100 anos de existência e é uma das únicas em funcionamento no nosso país.

Considerados de interesse turístico e dignos de visita em Rio Tinto: a Igreja Matriz (datada de 1769), o Lugar do Mosteiro (fundado em 1603), a Quinta das Freiras (com o seu núcleo rural) e a Capela de Nossa Senhora da Lapa (pequeno templo de estilo barroco, de meados do século XVIII).

Mais de duas dezenas de associações e coletividades testemunham a intensa vida desta freguesia a nível cultural, desportivo e social.

LUGARES DA FREGUESIA

Alto da Bela, Alto da Serra, Areias, Areosa, Baixinho, Boavista, Brás-oleiro, Cabanas, Calvário, Campainha, Campinho, Caneiro, Carreiros, Carvalheiros, Casal, Cavada Nova, Chão Verde, Castro, Doas, Estação, Esteves, Felgueira, Ferraria, Forno, Giesta, Lourinha, Medancelhe, Meirel, Mendelho, Monte Pedro, Mosteiro, Oliveiras, Outeiro, Paço, Perlinhas, Pipo, Pomarelho, Pontelhas, Ponte, Porta, Portelinha, Quinta, Ranha, Rebordães, Rego da Água, Santegãos, S. Sebastião Seguro, Sevilhães, Soutelo, Torre Gritão, Triana, Vale de Ferreiros, Vale Flores, Venda Nova, Venda Velha, Vila Cova, Xistos.

Contactos
Hoje
Hoje
Mín C
Máx C
Amanhã
Amanhã
Mín C
Máx C
Depois
Depois
Mín C
Máx C